Reformar sem fechar as portas não é uma tarefa fácil. Afinal, são inúmeros detalhes que precisam ser avaliados cuidadosamente para que as entradas financeiras continuem funcionando de forma eficiente. Tenha em mente que um projeto de alto nível não abre espaços para improvisos.

Por isso, monte um cronograma detalhado com prazos rigorosos. É muito importante que o conforto dos clientes seja preservado como estratégia de relacionamento e fidelização com o espaço. Trabalhe nas melhorias em horários alternativos e use a criatividade nos ambientes disponíveis.

Quer saber mais sobre o assunto? Vamos mostrar uma série de dicas para manter a casa ativa durante a reforma. Acompanhe e fique por dentro:

Invista em uma obra seca para reformar sem fechar as portas

Quando os reparos não exigem uma grande mudança na estrutura do ambiente, é possível fazer uma obra seca. Existem técnicas que podem ser empregadas de forma tranquila sem prejudicar a experiência dos frequentadores. A construção alternativa não exige nenhum tempo de secagem durante a realização dos procedimentos.

Os materiais utilizados pela equipe são facilmente acoplados a um sistema de montagem que já é previamente encaixado ou colado. As principais mudanças acontecem no uso inteligente de tintas e outras substâncias que possam gerar desconfortos e prolongar os prazos de entrega.

Os produtos autoadesivos também são muito utilizados na obra seca por preservar o ambiente limpo em diferentes etapas. Além da segurança e eficiência no resultado, ainda existe uma grande variedade de valores no mercado que possibilita encontrar um orçamento acessível para todas as necessidades.

Faça um planejamento detalhado

Montar um cronograma eficiente durante a reforma faz toda a diferença no resultado final. Para que o empresário possa controlar todas as etapas, torna-se necessário conhecer os prazos de entrega do trabalho e impedir qualquer tipo de prejuízo no funcionamento diário.

O planejamento ajuda também em outras questões logísticas, como a definição de um espaço para guardar as peças retiradas da decoração, a necessidade de compra de materiais de construção e orientações específicas para os funcionários.

Ainda que seja inevitável controlar imprevistos, ter uma planilha de cada passo deixa a situação mais organizada.

Outra questão muito importante é comunicar seus clientes sobre o período de reformulação na casa. Dessa forma, fica muito mais fácil justificar uma possível limitação de espaço e divulgar uma data prevista para o retorno do ambiente completo.

Organize eventos externos

Para manter a rentabilidade do local sem nenhuma alteração durante a reforma, a melhor opção é investir em eventos externos. Avalie as ações que costumam agradar ao público e promova atividades segmentadas associadas à sua empresa.

Além de funcionar como uma importante estratégia de marketing, proporcionar um evento de sucesso ainda ajuda no desenvolvimento do relacionamento com os clientes e no processo de fidelização.

O grande diferencial está na criatividade do tema e no fato de cumprir rigorosamente todas as exigências necessárias de estrutura. Lembre-se de escolher um bom local com alvará de funcionamento e que seja acessível para comportar o limite de público. Entre as principais sugestões estão parques, terraços, salões de festa ou lounges.

Limite o espaço disponível

Durante a reforma com portas abertas, é preciso deixar o local extremamente seguro. Por mais que você escolha uma opção de restauração seca, blindar os espaços contra acidentes se torna uma medida essencial. Dessa forma, a produtividade da equipe de funcionários não corre risco de ser afetada e a experiência dos clientes permanece em alto nível.

Remaneje as entradas do local de forma que os ambientes em manutenção não apareçam. Pode ser a única visita da pessoa ao estabelecimento e é muito importante evitar transparecer a sensação de bagunça. Caso seja possível, altere a decoração para preservar o conceito original enquanto o trabalho fica pronto.

Agora você já conhece os principais segredos para reformar sem fechar as portas. Com muita disciplina e organização, a fase de reparos pode ser enfrentada de forma tranquila sem danos financeiros.

O grande diferencial está em escolher o projeto que mais se encaixa com a rotina do negócio. Apesar de algumas limitações, o resultado em longo prazo faz toda a diferença no trabalho dos funcionários e no conforto dos clientes.

Gostou das informações deste artigo? Então confira 6 dicas de segurança essenciais para eventos.