Segurança em primeiro lugar. Você já deve ter ouvido esta frase em diversos lugares, não é mesmo?

Agora pense em um evento de grande porte com a presença de milhares de pessoas. Com certeza o desafio e a responsabilidade de manter todos seguros aumenta bastante.

Imagina só meses de planejamento e dedicação indo por água abaixo por conta de um acidente não previsto. Sabemos que você não quer isso em seu evento.

Para isso, separamos algumas dicas de como garantir a segurança das pessoas que estarão presentes em seu evento, principalmente se ele for de grande porte. Boa leitura!

O que é necessário para garantir a organização de um evento?

Quando se trata de um evento de grande porte, as responsabilidades também aumentam. Falaremos mais sobre quais as medidas de segurança específicas para cada modelo de evento adiante, mas podemos pensar, de forma geral, que existem diversas responsabilidades que os organizadores devem ter, como, por exemplo:

  • providenciar os alvarás necessários;
  • contratação de um time de segurança preparado e que consiga atender à quantidade estimada de presentes no evento;
  • controle de entrada e saída das pessoas do local do evento, garantindo que o acesso seja feito de forma rápida e eficaz;
  • garantir que o acesso ao evento e a saída dele sejam feitos sem afetar a integridade física dos frequentadores;
  • controle dos objetos que podem entrar com os participantes, como armas, objetos pontiagudos, alimentos não permitidos, bebidas e outros;
  • equipe médica pronta para atuar de forma eficiente de acordo com a quantidade de presentes;
  • retirada daqueles que acessaram o evento de forma indevida, seja invadindo ou com ingressos falsos;
  • contenção caso ocorram tumultos, brigas e outros tipos de aglomeração;
  • garantir que, em caso de emergências, a evacuação dos participantes do evento seja feita de forma segura e seguindo as medidas de segurança.

Lembre-se de que você está lidando com vidas humanas, independente do porte ou do tipo de evento que estiver produzindo. A segurança deles deve ser prioridade para você.

Quais as particularidades de cada evento?

Apesar das medidas gerais que citamos acima servirem para a grande maioria dos eventos, existem algumas particularidades que cada evento demanda e você não pode deixar passar, senão a segurança de todos será colocada em risco.

Eventos em casas de shows

Para garantir a segurança dos frequentadores de eventos feitos em casas noturnas, como festas, baladas e shows, é necessário estar informado na porta do local, de forma clara, a capacidade máxima que ele suporta, para que casos de superlotação sejam evitados (isso também é exigido em eventos ao ar livre).

A revista dos participantes do evento é feita de acordo com a necessidade do organizador. Isso quer dizer que pode não ter revista na porta do evento? Sim, mas vamos combinar que você não vai querer correr o risco de uma pessoa entrar com algum tipo de objeto que possa machucar os demais participantes.

Por isso, acreditamos que evitar acidentes - sejam eles grandes ou pequenos - pode começar já na revista dos participantes. Normalmente, são proibidas armas de fogo, armas brancas, objetos pontiagudos (como bandeiras com mastro e guarda-chuvas), alimentos colocados em embalagens de plástico rígido, frascos de vidro e qualquer objeto que possa ser usado como arma em potencial.

A estrutura do local também deve ser vistoriada, além dos equipamentos utilizados. Assim, você conseguirá identificar riscos em potencial que podem afetar o acontecimento do evento ou que podem ser apenas isoladas do público em geral. Não deixe de sinalizar os espaços que não devem ser acessados, assim como as saídas de emergência e a localização dos extintores.

Eventos esportivos

Algumas das exigências do tópico acima também cabem aqui, como a revista, mas é importante levar em conta que eventos esportivos muitas vezes contam com a presença de um grande público.

Para isso, é importante manter a ordem e a paz no local, seja ele em uma pequena arena ou em estádios. Dependendo do evento esportivo, você pode se adiantar e, durante o processo de compra, orientar os participantes sobre itens que podem ou não ser levados para o local.

Outros pontos para se ter em mente, são a distância que os espectadores devem ter da ação do esporte, a mobilidade para acessar os assentos, garantir que nenhum acidente (como a queda de alambrados e arquibancadas) ocorra e ter uma equipe de segurança preparada para lidar com aqueles torcedores mais “emocionados”.

Além da revista individual para a detecção de objetos de metal e armas, existem itens que você podem ou não permitir no evento, como mastros e bandeiras, latas, isqueiros, guarda-chuvas, fogos de artifício, sinalizadores, tipos de bebidas e alimentos e mais.

Conferências, seminários, cursos e semelhantes

Nestes casos, os procedimentos de segurança variam um pouco se comparados aos anteriores. Isso porque, normalmente, os organizadores sublocam locais, como centro de convenções ou salas de prédios comerciais e hotéis para a realização dos eventos.

E cada local tem as suas normas de segurança já estabelecidas, sendo necessário incluir medidas extras de acordo com o tipo do evento. Além disso, você sempre deve buscar o bem estar e o conforto dos participantes do evento, então procure por locais que possuam instalações adequadas e sinalizações e orientações claras para garantir que seus convidados estejam seguros.

Passos para garantir a segurança das pessoas em seus eventos

Acidentes em eventos vão desde a queda de objetos, passando por furtos e até mesmo incêndios. Se você cumpriu tudo o que é necessário para garantir a segurança dos convidados, deixe registrado para eventuais consultas no futuro.

Mas quais são os passos a serem seguidos para garantir a segurança dos frequentadores em seu evento? A gente te conta!

  1. Vistoriar o local;
  2. Buscar os alvarás necessários (como o contrato de locação do espaço, medidas de limpeza, certificado da equipe de segurança contratada caso você não possua uma, termo de responsabilidade e cópia de comunicação à polícia e aos bombeiros);
  3. Gerenciar riscos, levantando todos os tipos de acidentes que possam acontecer em seu evento;
  4. Contratar seguranças capacitados para lidar com diversas situações;
  5. Organizar toda a logística, desde a preparação do local do evento até depois que ele terminar;
  6. Garantir uma boa comunicação com quem participa do seu evento, seja em diversos idiomas ou com orientações visuais ou em áudio claras;
  7. Garantir também que a equipe de segurança possa se comunicar de forma rápida e clara, para atuar de forma ágil;
  8. Contratar o melhor tipo de seguro para o seu evento (busque se informar, pois existem seguradoras específica para eventos de curto prazo);
  9. Garanta o transporte adequado dos participantes. Vai depender do porte do evento, mas você pode oferecer desde ingressos com traslados até fazer parceria com as empresas responsáveis por transportes públicos, como metrôs e trens.

E aí, você acha que o seu evento é seguro para todos que irão comparecer? Acreditamos que, com estas dicas, você irá conseguir garantir que os participantes do seu evento tenham a melhor experiência com a segurança necessária a todos!

Conclusão

Agora que você já sabe tudo o que precisa para garantir a segurança das pessoas em seu evento de grande porte, é hora de colocar a mão na massa.

Elabore um bom planejamento e um cronograma detalhado com tudo o que precisa ser feito para o evento e acrescente uma parte totalmente voltada para a segurança do evento. Tanto com questões voltadas para infraestrutura quanto para a garantia de que as pessoas poderão curtir o evento sem preocupações e riscos.

Para receber mais dicas preciosas como esta, não deixe de assinar a nossa newsletter e receber mais em seu email!