Existe uma variedade de tipos de eventos digitais – Você sabe diferenciar? Quais os melhores a se fazer?

A tecnologia encurta distâncias e permite que pessoas em qualquer parte do mundo possam se reunir para compartilhar conhecimento. Existem várias formas de fazer isso através de eventos digitais de diferentes formatos.

É importante conhecer as opções disponíveis para definir a que melhor se encaixa ao tipo de evento que deseja realizar. Siga a leitura para saber mais sobre as principais modalidades e suas vantagens.

Os eventos digitais vieram para ficar!

Com a pandemia, muitos organizadores foram forçados a migrar seus eventos presenciais para o ambiente digital. Embora a experiência online seja diferente da presencial, tanto o público quanto os produtores perceberam os inúmeros benefícios dos eventos digitais.

Como não é necessário se deslocar para participar, os inscritos conseguem se organizar mais facilmente para acompanhar as apresentações. Além disso, o custo é mais baixo, o que possibilita que uma pessoa participe de mais eventos em um espaço de tempo menor.

Para os organizadores, há um benefício em especial, que é a possibilidade de alcançar um público ainda maior do que na modalidade presencial. Em ambiente digital não há barreiras quando o assunto é a quantidade de espectadores, permitindo que mais pessoas participem.

Todas as vantagens fizeram com que os eventos digitais se tornassem mais do que uma adaptação imposta pela pandemia e virassem uma tendência. Mesmo com o retorno dos encontros presenciais, muitos continuarão preferindo a opção à distância por conta da praticidade.

7 Tipos de eventos digitais

Para organizar um evento digital de sucesso é preciso adequar o formato aos objetivos pretendidos. Veja a seguir quais são os principais tipos de eventos digitais. Assim ficará mais simples eleger o ideal para a sua produção.

1. Congresso

Um congresso é um evento que reúne especialistas para palestrar sobre um tema central a pessoas interessadas e apresentar resultados de pesquisas. São bons exemplos os congressos médicos voltados para áreas específicas, como dermatologia, endocrinologia, ginecologia, entre outras.

Como os congressos são geralmente baseados em palestras, podem ser tranquilamente realizados digitalmente. Inclusive, isso facilita a participação de especialistas, já que poderão se apresentar de qualquer lugar e encaixando na agenda.

2. Feira de negócios

As feiras de negócios são eventos que reúnem estandes de diversas empresas em que são apresentados produtos, serviços e projetos. Também é comum que haja palestras sobre o segmento em questão e outras apresentações. Tradicionalmente, essas feiras acontecem em grandes salões de eventos, reunindo um grande público.

Por mais que esses encontros presenciais sejam produtivos, as feiras de negócios digitais também possuem um grande potencial. Utilizando uma plataforma para eventos é possível realizar essa divisão por estandes, com salas virtuais para cada empreendimento se apresentar.

3. Meetup

Os meetups são encontros voltados para empresas e profissionais de áreas específicas fazerem networking. O modelo surgiu no Vale do Silício e é algo bastante comum por lá. A ideia é que as pessoas se conheçam, troquem experiências e façam contatos.

Com as facilidades oferecidas pela tecnologia, os meetups podem ser tranquilamente realizados através de plataformas de eventos digitais. Assim, cada participante estará em um local e todos irão se conectar através da tela, eliminando as barreiras impostas pela distância.

4. Palestra

As palestras estão entre os tipos de eventos mais conhecidos. São apresentações temáticas em que um especialista compartilha conhecimentos e experiências. Também pode haver um momento para os espectadores fazerem perguntas e networking.

O ambiente digital não prejudica em nada a experiência de uma palestra. Inclusive, pode até ser mais interessante para pessoas que costumam se distrair com facilidade. Como estarão em casa, poderão colocar fones de ouvido e manter todo o foco nas apresentações.

A tecnologia encurta distâncias e permite que pessoas em qualquer parte do mundo possam se reunir para compartilhar conhecimento.

5. Seminário

Os seminários são encontros em que especialistas em determinada área do conhecimento se reúnem para debater sobre ideias relacionadas. A interação é um fator bastante importante para o sucesso de um seminário, que também pode acontecer tranquilamente à distância.

Por serem eventos que geralmente possuem uma duração mais curta, é muito mais prático que os encontros aconteçam virtualmente. Dessa forma, os participantes conseguem conciliar a participação com outros compromissos profissionais mais facilmente.

6. Webinar

Webinar é uma palavra formada através da expressão web-based seminar, ou seja, um seminário totalmente realizado digitalmente. É uma categoria de evento digital que engloba palestras, workshops, reuniões e conferências.

São apresentações que acontecem ao vivo em que o público pode participar através de chats. Assim, fazem comentários, enviam perguntas e podem entrar salas de bate papo para fazer networking.

7. Workshop

Os workshops estão bastante em alta, são espécies de cursos de curta duração em que são compartilhadas técnicas e conhecimentos sobre determinada área. Podem ser realizados ao vivo ou com o conteúdo já gravado, na segunda opção há o benefício de os participantes terem maior liberdade para assistir.

É bastante comum que sejam realizados workshops gratuitos como forma de lançar cursos online. Assim, os possíveis interessados podem conhecer um pouco mais o conteúdo e se inscreverem caso desejem aprofundar nos temas apresentados.

Plataforma para eventos digitais

Se para realizar um evento presencial é preciso ter um espaço que comporte todos os participantes, para eventos digitais é necessário contar com uma plataforma que conte com recursos específicos.

Com o Lets.events você conta com um sistema de inscrição completo para seu evento digital. Os participantes adquirem o ingresso, preenchem o cadastro com os campos personalizados por você, contam com opções de parcelamento, entre outras vantagens.

Além disso, há a opção de realizar o evento na plataforma Lets.connect, que foi totalmente desenvolvida para conectar pessoas. Alguns dos recursos disponíveis são: chats, enquetes, salas para networking, perguntas e respostas e muito mais!

Tudo foi pensado para que todos tenham a melhor experiência e, mais do que meros espectadores, sejam realmente parte do evento. Entre em contato para saber mais e conhecer todos os benefícios que o Lets pode oferecer!

Conclusão

Como vimos, existem vários formatos de eventos digitais. A modalidade escolhida irá influenciar na abordagem, no tempo das apresentações, se será ao vivo ou gravado, entre outros detalhes.

Para fazer a melhor escolha é preciso considerar o público, o tema e os objetivos que se pretende alcançar.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *