Event banner
Event banner

HR Smart | A era da inteligência

Date and time

Starts at
Wed, Oct 23, 2019 8:30 AM
Ends at
Thu, Oct 24, 2019 6:00 PM

Event location

Spaces Berrini
R. Irmã Gabriela, 51,
São Paulo, SP - BR
mapOpen map

Event organizer

BIRD X Events

HR SMART 23 e 24 de Outubro de 2019 – Spaces Berrini - Rua Irma Gabriela, 51


Organizador: Bird X Events & Exhibitions


Prepare-se para a ERA DA INTELIGÊNCIA


As mudanças tecnológicas que chacoalharam o mundo na última década nos trouxeram  mais  indagações do que certezas.  São questões presentes em todas os contextos  de nossas vidas, mas que são particularmente imprevisíveis quando olhamos para o mundo corporativo e o futuro do trabalho. 


Essa indefinição afeta desde o modelo de gestão que será adotado pelas empresas, até os cuidados com a saúde mental dos colaboradores – visto que doenças como estresse, síndrome do pânico e burn-out nunca foram tão presentes no ambiente corporativo!


Esse assunto  te interessa? Então recomendo que conheça  a fundo as  provocações  do HR SMART!


Estes são apenas alguns pontos  que definem o que chamamos  de 4a Revolução Industrial. Mas vale a pena revisitarmos os principais pontos que caracterizaram as demais revoluções passadas:


1ª Revolução:  Utilização do vapor como força motriz – Vivenciada entre 1740 e 1780, possibilitou que a produção de bens passasse do caráter amador e individualizado para uma tarefa em massa,  ampliando o mercado consumidor, que saiu do campo e ocupou (criou) as grandes cidades.

2ª Revolução: Utilização da eletricidade – Vivida a partir de 1850, caracteriza-se pelo uso da eletricidade como força motriz, ao invés do carvão e máquinas a vapor. Outra característica amplamente associada a este período diz respeito à  utilização dos meios de comunicação que moldariam os anos posteriores, como a televisão e o telefone.

3ª Revolução:  Advento da Computação e eletrônica – Principalmente sentida após a 2ª Guerra Mundial, caracteriza-se pelos avanços significativos em campos como robótica – que transformou os modelos industriais ainda calcados na 1ª Revolução – e telecomunicações – com a domesticação do computador pessoal e a chegada da Internet.


Esta contextualização é necessária para entendermos o que possibilitou a chegada da 4ª Revolução e seus impactos presentes e futuros. A

partir de agora, trataremos dela como a Era da Inteligência.


Sua principal característica diz respeito a como o conhecimento é disseminado. Se antes havia certa linearidade nos avanços tecnológicos, científicos e mesmo filosóficos, hoje percebemos que tudo se desenvolve de exponencial, em todas as direções, de maneira instantânea, muito similar à uma inteligência artificial...


Talvez este seja o ponto que melhor identifica o período atual da história humana: Inteligência Artificial. A mesma já mostrou que as transformações que causará abrangem todos os aspectos da vida, desde a gestão das megacidades (iniciada na 1ª RI), meios de comunicação e produção industrial (2ª RI) e, finalmente, na conectividade entre humanos, máquinas e entre ambos (3ª RI).


Mas algo será imprescindível para determinar como viveremos  (ou sobreviveremos) a este período: a Inteligência Humana! Afinal, este período será visto como a Era da Inteligência, seja ela Artificial ou Humana. Nunca foi tão importante sabermos lidar com questões que, por mais avançadas que as máquinas sejam, ainda são características humanas: Sabedoria, Emoções, Propósito, Pertencimento, Diversidade...  Em um planeta cuja população atingirá 10 bilhões de pessoas em breve, ao mesmo tempo em que as máquinas ocupam espaços de trabalho anteriormente destinados à força humana, como lidaremos com questões como desemprego, produtividade, engajamento? E outros pontos extra-corporativos, mas tão importante quanto e que afetam nossas organizações, como desigualdade social?


Estas dúvidas rondam a mente (e porque não, os corações) das lideranças em geral. Mas tocam de maneira especial nos gestores de pessoas, os responsáveis por manter as organizações em lugares humanos e não apenas uma estrutura movida a números e cifrões. Por mais que todas as lideranças tenham a responsabilidade de manter as preocupações com seus recursos humanos como prioritárias, este tópico é

inerente às tarefas e métricas de um grupo especial de gestores!


Baseado neste contexto que a BIRD X promove o HR Smart  - encontro que provocará reflexões sobre como a Inteligencia Humana e Artificial devem unir forças para transformar ambientes, seja social ou organizacional, desde as startups até grandes e centenárias corporações!  Queremos que nossos participantes reflitam sobre a responsabilidade que reside em nossas mãos, em um momento onde decisões tomadas agora definirão o futuro das gerações (atuais e futuras)!


Temas como:


  • Impactos sociais das transformações digitais
  • Revolução no mercado de trabalho e nos ambientes corporativos
  • Relação entre razão e emoção na tomada de decisões


Se estes pontos te tocam de alguma maneira – seja em seu ambiente de trabalho ou como você enxerga o mundo ao seu redor, participe! Um ambiente colaborativo, criativo e diversificado demanda por diferentes pontos de vista, e aqui o seu será muito bem vindo!


A quem se destina:


o  Profissionais de Recursos Humanos,


o  Empreendedores e líderes de startups (não importa a área)


o  Gestores de tecnologia humanistas


o  A todos em geral e a cada um em particular...


Palestrantes confirmados:


Felipe Oliveira – Consultor da ID_BR e Diretor da Bird X

Denize Ditz – Growth VP na Qulture Rocks

Maryana Rodrigues – CEO da Humorlab

Fábio Mattos – CEO da Mattos comunicação

Rafa Menegocci – Fundador da Sincrolife

Ale Marinho – Empreendedor Serial

Lucas Silveira – Diretor de vendas  na Red Bull